Unigel, Electrolux e Termotécnica fecham parceria para refrigerador sustentável

No ano passado, a Unigel, uma das maiores empresas implementadas do país, anunciou a criação de uma nova marca de produtos sustentáveis para materiais reciclados chamada ECOGEL®️.

Agora, a companhia firmou parceria com a Termotécnica e a Electrolux para utilização da linha na fabricação de peças de refrigeradores da marca.

“O ECOGEL®️, marca que cobre poliestirenos (um tipo de plástico) com material reciclado pós-consumo em sua composição, apresenta grande potencial para garantir a circularidade do plástico na cadeia produtiva e incentiva empresas e consumidores a praticar o descarte adequado de materiais”, explica o diretor comercial da Unigel, Marcelo Natal.

Agora, as três empresas estão juntas para fazer a circularidade de materiais acontecer na prática, mostrando que é possível viabilizar a reciclagem de plásticos de maneira sustentável. 

“Na produção do ECOGEL®, o REPOR é uma importante matéria-prima. Na prática, as embalagens em EPS de eletrodomésticos retornam para a cadeia produtiva após cumprirem com a sua função, sendo transformadas em novos componentes duráveis que serão incorporados aos refrigeradores Electrolux”, comenta o executivo.

Desde outubro do ano passado, quando o ECOGEL® foi lançado, o material pós-consumo já reaproveitado equivale a embalagens de 3 mil refrigeradores da Electrolux ou 1,8 milhão de copos descartáveis.

A Electrolux está realizando testes desde o ano passado para garantir a segurança e eficácia do produto. No momento, o produto ainda está em fase de implementação.

A previsão é que os primeiros refrigeradores com componentes produzidos com ECOGEL® cheguem ao consumidor já no início de 2022.

“Nossa abordagem ambiental traz a circularidade na prática, incluindo uma visão integrada desde uma concepção de produtos, eficiência operacional, passando por logística reversa e reciclagem e indo até novas cadeias produtivas, fechando o ciclo da economia circular. Pensando na cadeia logística como um todo, dar uma nova vida como embalagens pós-consumo, transformando-as em produtos nobres, atende à demanda da sociedade por uma atuação responsável das empresas em termos de sustentabilidade”, declara Albano Schmidt, presidente da Termotécnica.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais