PIB de Santa Catarina cresce 9% e consolida uma das melhores posições no cenário econômico do país

Santa Catarina, já consolidada a segunda economia mais competitiva do país, alcançou um dos melhores índices da história do estado, balizado pelo Produto Interno Bruto (PIB) estadual, que passou de um crescimento de 2,9% para 9% nos doze meses encerrados em junho.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam que o PIB brasileiro passou de uma retração de 3,8% em 12 meses até março, em relação ao mesmo período anterior, para um crescimento de 1,8%, na mesma comparação até junho.

Com isso, Santa Catarina ocupa uma das melhores posições de crescimento econômico no cenário nacional.

“Este crescimento relevante do PIB estadual, onde saímos de 2.9% para 9%, demonstra que a economia catarinense se descolou da nacional e desponta como as de maior crescimento no país. Sua competitividade e atestada resiliência vêm se traduzindo em produção crescente. Com isso, temos sido a primeira opção para instalação de novas empresas e consequentemente os níveis de emprego vem crescendo em todas as regiões”, avaliou o Secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Luciano Buligon.

SETORES

  • O estado teve o maior crescimento no volume de serviços nos últimos doze meses encerrados em junho, relativos ao mesmo período anterior. Cresceu 8,4% frente a uma média nacional de 0,4%.
  • Na indústria de transformação, nessa mesma comparação, o estado cresceu 15%, enquanto a média do país foi 7,7%.
  • No varejo ampliado, o crescimento foi 10,7% , enquanto no Brasil foi de 7,9%.

O Boletim de Indicadores Econômico-Fiscais de Santa Catarina de setembro apresenta uma análise de todos os setores econômicos do estado e está disponível clicando aqui.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais