O diferencial competitivo para você fazer sua empresa decolar

Por Everto Farina, especialista em estratégia de negócios.

Ouvimos falar muito sobre a importância do diferencial competitivo nas empresas. Porém, existe um verdadeiro diferencial de mercado que poucos têm, mas, que todos os empresários podem ter, sem exceção. Você sabe qual é?

Não estou querendo aqui falar de qualidade, entrega de resultado ou qualquer coisa do gênero. Sabemos que isso é o básico e que todas as empresas devem ter para dar continuidade em seus negócios.

Entretanto, por incrível que pareça, existe um diferencial competitivo que todos podem ter, mas que pouquíssimos usufruem. Talvez pelo fato do empresário ser mais técnico e não ter em sua formação acadêmica aulas sobre o tema ou até mesmo porque ele é tão bom no que faz, que deixa de lado a gestão. Cenário comum no meio empresarial.

O diferencial competitivo em questão são as finanças da sua empresa. Talvez você saiba me dizer qual é o lucro do seu negócio. Porém, o lucro líquido, aquele valor que sobra no final do mês, não significa nada. Os indicadores mais importantes que medem se a operação do seu negócio é atrativa ou não são a margem de contribuição e o *EBITDA (termo do inglês que significa Lucros antes de Juros, Impostos, Depreciação e Amortização). Enquanto um mede o custo da sua operação o outro nos ajuda a calcular a rentabilidade.

Considerando que o seu negócio deve ser tratado como um investimento, convenhamos, a rentabilidade precisa ser, no mínimo, melhor do que a taxa de juros do melhor título de renda fixa. Caso contrário, não tem razão de todos os dias você levantar e correr riscos nesta economia tupiniquim.

Sabendo dos números da sua empresa é possível captar empréstimos e financiamentos para melhorar a eficiência e a operação da empresa, além de aplicar estratégias de crescimento, como a aquisição de concorrentes. Veja comigo um exemplo: se a rentabilidade da minha empresa é de 3% ao mês e meu banco tem um capital com juros de 1,49%, na sua opinião, é um bom ou mau negócio?

Possivelmente sua resposta seja: “talvez”. Claro que para ajudar você a responder esta pergunta é muito importante analisar o potencial do seu mercado, o quanto você pode faturar na sua área de abrangência, quais estratégias e ações precisam ser desenvolvidas para que o seu negócio cresça e se torne cada vez mais referência no mercado, valendo a pena todos os investimentos e esforços comprometidos.

Vamos conversar e fazer os indicadores de finanças mais importantes se tornarem os verdadeiros diferenciais da sua empresa? Estou pronto para lhe ajudar.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais