Mercado brasileiro de peças de barco registra alta na pandemia

O mercado brasileiro superou o norte-americano em vendas de barcos no ano passado. No Brasil, com cerca e 900 mil barcos de lazer navegando, o comércio cresceu 20% de acordo com a Associação Brasileira dos Construtores de Barcos e Implementos, enquanto no Estados Unidos o aumento foi de 12% de acordo com a National Marine Manufacturers Association (NMMA).

Um crescimento que trouxe como consequência o aumento na demanda por insumos para a construção e manutenção de embarcações no Brasil, tanto para o mercado interno quanto para a exportação.

É o caso de uma das maiores revendedoras e distribuidoras de suprimentos náuticos brasileira, a Catarina Náutica, que ao longo dos últimos três anos, desde 2018, tem registrado crescimento em torno de 2 dígitos. Somente no último ano, a empresa comercializou cerca 20% a mais que em 2019.

Para 2021, a projeção da Catarina Náutica é de registrar um crescimento ainda maior em vendas de suprimentos para embarcações, desde resinas, tintas e produtos de construção e reparo de barcos, até equipamentos eletrônicos de navegação, acessórios e artigos de moda náutica, ancoragem e salvatagem.

Com vendas na loja física e por e-commerce, a empresa possui mais de 3 mil itens para a distribuição em território brasileiro. A previsão é dobrar esse volume para os próximos 3 anos.

“A venda de barcos novos e usados está muito aquecida no Brasil e no exterior, e é um comportamento que traz reflexos para toda a cadeia náutica. Notamos um aumento expressivo especialmente por selantes e adesivos náuticos. Tratam-se de materiais utilizados na fase de construção de embarcações até a fixação de vidros e que tem como usuário final desde os estaleiros e prestadores de serviços até setores de pós-vendas e empresas especializadas em manutenções”, explica Roberto Deschamps, diretor da empresa.

As restrições de viagens internacionais, a diferença cambial, a necessidade de isolamento foram alguns dos fatores que impulsionaram o mercado náutico como forma de lazer seguro com a família.

PLANOS DE EXPANSÃO

Com o crescimento, no último ano, a Catarina Náutica realizou investimentos em equipamentos, mão de obra e estruturação de um laboratório de colorimetria da Sikkens com espectrofotômetro, um scanner com mais de 2 milhões de cores na base de dados, único em Santa Catarina, para a análise da pigmentação e repintura correta de barcos. O novo laboratório ganhou investimentos que ultrapassaram R$ 150 mil.

Já para 2021 a Catarina Náutica está estruturando nova loja com investimentos em torno de R$ 500 mil.

Além disso, em termos de distribuição, a empresa atualmente possui quatro revendas parceiras no litoral catarinense e pretende expandir essa atuação no mercado brasileiro. Com os planos, a intenção é duplicar o volume de vendas de produtos nos próximos três anos.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. EntendiSaiba mais