IMA emite primeira licença de complexo eólico com investimento de R$ 1 bilhão

O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) emitiu a Licença Ambiental Prévia (LAP) do Complexo Eólico Calmon, com investimentos estimados em aproximadamente R$ 1 bilhão.

O empreendimento é projetado para instalação nos municípios de Calmon, Caçador, Timbó Grande e Porto União, sendo composto por 11 parques eólicos.  

De responsabilidade da empresa Eólicas de Calmon LTDA, a implantação do complexo pretende concentrar vários aerogeradores destinados à transformação de energia eólica em energia elétrica.

O empreendimento deve gerar quase 2 mil empregos diretos e indiretos na fase de instalação e 146 empregos fixos na etapa de operação.

A LAP é a primeira de três licenças ambientais (Prévia, de Instalação e de Operação) que são necessárias para o início do funcionamento do empreendimento.

O tempo estimado para a instalação do complexo eólico é de 34 meses.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais