Sistema Ailos alcança a marca de 1 milhão de cooperados

Apesar de um ano totalmente atípico, o Sistema Ailos manteve um crescimento constante. Prova disso é que a cooperativa de crédito acaba de anunciar que chegou a 1 milhão de cooperados.

No ano passado, através do Programa Emergência de Suporte a Empregos (Pese), uma linha de crédito do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), concederam, ao todo, R$ 31,5 milhões. A quantia auxiliou 508 empresas.

Já com o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), a cooperativa liberou R$ 172,5 milhões.

E ainda com o Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (Peac), que tem como objetivo também apoiar pequenas e médias empresas, assim como associações, fundações de direito privado e cooperativas (exceto o ramo de crédito), foram liberados mais de R$ 121,8 milhões, beneficiando mais de 1,9 mil empresas.

Com os financiamentos realizados diretamente pelos cooperados lojistas aos seus clientes, para aquisição de bens de consumo e serviços, as cooperativas que englobam o Sistema Ailos liberaram R$ 212 milhões.

Este produto contribuiu com o giro de negócio dos comerciantes, inclusive neste momento de instabilidade, no período em que houveram os decretos municipais.

“O cooperativismo mostrou sua força também com o aumento significativo no número de cooperados. Finalizamos o ano passado com 994.369 cooperados, sendo que já nos primeiros dias de janeiro, alcançamos a marca de 1 milhão”, comenta Moacir Krambeck, presidente da Central Ailos.

Referente aos depósitos totais, que compreendem os valores que os cooperados mantêm em conta, somados aos valores em aplicações, o Sistema Ailos fechou o ano com R$ 8,3 bilhões, um crescimento de 39% em relação a 2019.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. EntendiSaiba mais