MTur e UFSC iniciam diagnóstico de rotas turísticas em 158 municípios

Já começou o mapeamento e diagnóstico de 30 rotas turísticas estratégicas do Brasil, distribuídas em 158 municípios e contempladas no programa Investe Turismo.

A parceria, firmada entre o Ministério do Turismo e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em outubro, vai permitir traçar as condições de transporte nestas rotas, incluindo a estrutura existente, integração dos modais e a disponibilidade de informações aos turistas.

No último mês, representantes dos dois órgãos se reuniram, em Florianópolis para discutir o andamento das ações.

Na avaliação do secretário nacional de Atração de Investimentos, Parcerias e Concessões do Ministério do Turismo, Lucas Fiuza, a oferta de infraestrutura e integração entre os diversos modais de transporte é determinante para o desenvolvimento de destinos turísticos:

“Este diagnóstico será fundamental para que consigamos planejar melhorias de infraestrutura nestas rotas e proporcionarmos mais conforto, segurança e viabilidade aos turistas nos deslocamentos”.

O mapeamento abrangerá os modais rodoviário, ferroviário, aquaviário e aéreo das 30 rotas turísticas do programa e possibilitará o planejamento de melhores condições ao transporte turístico de passageiros.

Além do diagnóstico das necessidades específicas no que se refere ao deslocamento de pessoas, a parceria prevê o desenvolvimento de uma estratégia de capacitação aos setores públicos locais e entidades privadas ligadas ao turismo.

E, ainda, o desenvolvimento de uma base georreferenciada com os principais elementos de infraestrutura e informações rotas turísticas.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais