Brusque lança Plano de Desenvolvimento Econômico Municipal

Com o objetivo de identificar e planejar os setores econômicos da cidade para promover o desenvolvimento econômico e a melhoria da qualidade de vida da população, o Sebrae/SC, em parceria com a Prefeitura Municipal de Brusque e a Associação Empresarial de Brusque (ACIBr) lançaram nesta semana o Plano de Desenvolvimento Econômico (PEDEM).

A solenidade contou com a presença do prefeito de Brusque, Jonas Paegle, do vice-prefeito, Ari Vequi, e diversos representantes de entidades da cidade.

A consultora do Sebrae/SC, Cláudia Gelosa, explicou que um dos principais objetivos foi “estabelecer estratégias a partir da visão da sociedade, identificando as prioridades dos principais eixos estratégicos do município e traçar um plano de ação para que esses setores sejam fortalecidos”.

Para o prefeito Jonas Paegle, o plano é uma ferramenta que vai impulsionar a cidade:

“A importância do PEDEM na nossa cidade é de suma importância. Na nossa administração é que começou o projeto, para ali na frente nós termos pessoas qualificadas na área de indústria têxtil que é mais chamativa, que é a origem de Brusque, berço da fiação catarinense. Na área de indústria metalmecânica, na área de construção civil, na área de inovação e educação. Tudo isso para a economia, Brusque crescendo, com qualidade, mão de obras presente. Isso é fundamental para a nossa cidade”.

EIXOS

  • Construção Civil: abrange as seguintes atividades econômicas: construção de edifícios, serviços especializados para construção, atividades imobiliárias e obras de infraestrutura.
  • Educação, Tecnologia e Inovação: abrange as seguintes atividades econômicas: reparação e manutenção de equipamentos de informática e comunicação, atividade de prestação de serviços de informação, atividades dos serviços de tecnologia da informação, fabricação de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos, educação infantil e ensino fundamental, ensino médio, educação superior, educação profissional do nível técnico e tecnológico, atividades de apoio a educação e outras atividades de ensino.
  • Têxtil: abrange as seguintes atividades econômicas: preparação e fiação de fibras têxteis, tecelagem, fabricação de tecidos em malhas, acabamentos em fios, tecidos e artefatos têxteis, fabricação de artefatos têxteis.
  • Confecção: abrange as seguintes atividades econômicas: confecção de artigos do vestuário e acessórios, fabricação de artigos de malharia e tricotagem.
você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais