Nem toda segunda-feira tem reunião, mas hoje teve.

Nem toda segunda-feira tem reunião, mas hoje teve.

Como trabalho sozinha na redação do Economia SC, preciso dobrar minha atenção quando se trata de publicações.

Se tenho reunião em algum dia da semana, preciso deixar notícias programadas para o tempo em que estarei em função da reunião ou outros compromissos.

Como funciona o planejamento:

– um dia antes da reunião eu deixo alguns conteúdos programados para o dia seguinte

– no exemplo de hoje, o primeiro foi publicado às 7h, o segundo às 8h, o terceiro às 9h e o quarto e EXCLUSIVO foi às 10h. Sim, trabalhei ontem, no domingo!

– fiquei fora das 8h às 11h, e nesse meio tempo quem publicou as notícias nas redes sociais foi meu sócio e gerente de marketing, Maycon Souza.

– as artes dos stories e feed do Instagram eu já deixo prontas um dia antes também e salvo no meu Whatsapp. Assim, conforme o conteúdo é publicado, eu compartilho em segundos por lá. 

– Assim que retornei hoje, metade da nossa meta diária de acessos já estava batida.

Organizar o trabalho, seja para qual área for, vai evitar que você não o faça por outros compromissos que concorrem no mesmo horário.

Planejar e executar, por hora, tem me ajudado muito a conciliar não só meu trabalho como jornalista, mas também como assessora de imprensa.

A tecnologia tem sido primordial também nessa jornada: utilizamos para receber pautas o e-mail (forma mais convencional), mas o que mais tem agilizado nosso trabalho foi usar o WhatsApp. Além disso, o Linkedin tem nos aproximado de muitos empreendedores do estado. O Facebook tem papel principal na disseminação e conversão de cliques para o site. Já o Instagram é nosso mural de notícias, por onde trazemos um leitor mais customizado ainda. E a cereja do bolo é que estamos integrados à Alexa, assistente virtual da Amazon.

É tudo @economiasc

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais